Manifestos do agora

Manifestos do agora

Estamos a viver numa era de transformação. Acredito que todos nós já compreendíamos essa necessidade, e aprendemos a lidar com ela. Mas quando falamos de mudanças sociais e de comportamento, não podemos deixar escapar a onda de solidariedade feminina no que diz respeito à pressão sobre a mulher e das mais variadas maneiras.
Existe a pressão da imagem, que alimenta um estereótipo de uma mulher que não é real, que vive num Photoshop diário e constante. Quase que em demanda de uma viagem de vida que não aceita o envelhecimento ou o lado B que todos temos.
Existe a pressão social, que impõe padrões antiquados e retrógrados quanto às atitudes do género feminino, e que por isso lhe castra oportunidades e até crescimento pessoal.
Nos EUA, as correntes são fortes e com um lado ECO por todo o Mundo. Alicia Keys decidiu renunciar a maquilhagem. Um manifesto sobre a imagem, sobre a pressão no estilo e na beleza.
São muitas as vozes que se pretendem fazer ouvir. E cada uma com as suas perspectivas e motivações.
Eu sou a favor da liberdade. Da liberdade nos conceitos. Nas escolhas. E naquilo que me faz sentir bem e feliz. Esse será sempre o manifesto. E o vosso? Qual é?
Estas fotografias representam alguns manifestos e movimentos actuais.