A luta contra o cancro da mama continua!

A luta contra o cancro da mama continua!

Este é o mês da Cancro da Mama. Um mês em que se assinalam duas datas dedicadas a esta doença que continua a atingir tantas mulheres por este mundo fora. No passado dia 15, o Dia Mundial da Saúde da Mama, e no fim do mês, no dia 30 de outubro o Dia Nacional de Luta Contra o Cancro. Nunca é demais insistir na consciencialização de todos para que se possa ser evitada, ou até mesmo para que possa ser travada a tempo. Eu sempre estive próxima desta causa, que nos preocupa tanto. E faço questão de ajudar na sensibilização do tema.
Maior parte dos doentes chegam aos tratamentos com a doença num estado avançado, o que requer um tipo de tratamentos mais fortes. Esta doença existe, atinge qualquer pessoa e devemos estar atentos aos sinais. Apesar de ser 100 vezes menos provável, os homens também podem contrair cancro da mama. A alimentação é um factor muito importante na prevenção desta doença. Vegetais, frutos ricos em antioxidantes são essenciais. O sedentarismo é, também, um factor de risco. Cuidarmos do nosso corpo é cuidarmos de nós. Nunca devemos esquecer esta premissa.

Este mês estão a decorrer inúmeras campanhas de alerta e consciencialização fiquem atentos e vejam de que forma podem contribuir para que a ciência também evolua na direcção do fim desta doença.

 

Stella McCartney desenvolveu a linha de lingerie Ophelia Whistling, cujo rosto de campanha é Alicia Keys. A mãe da criadora morreu com esta doença e serve esta colecção para angariar fundos para a instituição Linda McCartney, em Liverpool, que presta apoio aos doentes e familiares. (Ver mais aqui)

Até dia 31 de outubro o IPO recebe a campanha solidária Alma Sana, de forma a angariar fundos para dar apoio à Clínica Multidisciplinar da Mama do IPO Lisboa que trata cerca de 900 casos por ano. (ver mais aqui).

O Fundo iMM – Laço criou em conjunto com a Dama de Copas, um calendário solidário apelidado de “Unidas pela Cura”. As receitas servirão para apoiar o desenvolvimento na investigação da doença.