Como evitar pensamentos negativos

Como evitar pensamentos negativos

Estes senhores (pensamentos negativos) são como vírus: atacam forte quando encontram o hospedeiro numa fase mais frágil. E a verdade é que se tem que ter muita capacidade e força para os conseguir domar! Não é fácil, não. E não é obrigatório conseguir superá-los rapidamente e sem ajuda.
A nossa cabeça tem uma capacidade e potência enorme. Leva qualquer um para onde quer. Bem como a nossa energia… E essa, somos nós que a geramos. A regra aqui é gerar boa energia para lutar contra estes pensamentos.

Cada pessoa tem o seu funcionamento, cada um tem os seus problemas e cada um sabe, melhor que ninguém, lidar com os seus problemas. Porém, há sempre umas técnicas base que podem ajudar. Ou podem não fazer nada, mas não custa tentar e procurar depois por outras alternativas. O esforço vale sempre a pena 🙂 A energia positiva gerada para resolver este problema, vai ser também distribuída aos que nos rodeiam, que por sua vez responderão da mesma maneira. Um ciclo de boas energias 🙂

– Exercício físico
Quando se pratica exercício, a oxigenação aumenta, fazendo com que a energia se expanda. Os pensamentos negativos são encostados a um canto! Quanto mais impactante for o exercício, melhor. Libertar tudo cá para fora. Mas sem levar à exaustão! Saúde em primeiro.

– Evitar reclamações
Quando os amigos se juntam, quando se chega a casa para a família, e o tema de conversa são as coisas más, os episódios que marcaram pela negativa – Errado! Deve ser exactamente ao contrário! Cada vez que se fala no problema, reativa-se o campo de energia negativa. Por isso o esforço é falar de outras coisas, contrariar o pensamento. Desabafar faz bem, sim, mas uma vez. Falar repetidamente do assunto só gera mais conflito interno.

– Dar atenção ao que realmente importa
O que gosta de fazer? Com quem gosta de estar? Aposte fixar nessas coisas, por muito que custe. Fazer mais do que gera felicidade.

– Natureza
Ficar longe da agitação da cidade durante um bocadinho. Fazer caminhadas na mata, no meio da natureza. Ela tema capacidade de transmitir uma calma extraordinária!

– Rir
Já as avós diziam que era o melhor remédio! Assistir a uma comédia, um stand up, ver umas coisas na internet… Rir ajuda a limpar a alma e o riso faz mexer todos os nervos e músculos.

– Meditação
E vamos desmistificar aqui um bocadinho este conceito. Para qualquer pessoa meditar, não tem que obrigatoriamente comprar um tapete de ginástica/yoga, não tem que ter um sítio super especial em casa onde o faça, não tem que ter qualquer tipo de crença. Para meditar basta estar num lugar calmo. No quarto, na sala, na cozinha, em qualquer posição. O objetivo aqui é respirar fundo, estar sozinho, e pensar nas coisas boas que já aconteceram na sua vida, por muito pequeninas que tenham sido. Ficar somente nas coisas boas e agradecer simplesmente por terem acontecido. É o que realmente importa 🙂

Bye bye bad vibes!